Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Devaneios de uma morena

Um blog sobre tudo e mais alguma coisa. Um companheiro para todos os dias, a qualquer hora que seja.

Jarra de flores

Há dias em que me apetece falar de qualquer coisa, nem sem bem sobre o quê. E venho para aqui fazer aquilo a que este blog, essencialmente, se propõe: devanear.

 

Claro que toda a gente sabe o que é devanear. Digo eu, «com os nervos». Mas para combater qualquer possível lapso de informação de quem quer que seja, vos digo: devanear quer dizer sonhar, fantasiar, fazer castelos no ar... E eu, pessoalmente, ainda vou acrescentando uns quantos outros possíveis significados.

 

Mas adiante. Cheguei, hoje, aqui, cheia de vontade de vos falar sobre uma imagem que vi. Uma imagem para a qual olhei e que me fez, de imediato, desejar um dia de sol, temperatura amena, janelas abertas e muita tranquilidade. Ah!, e flores, flores numa jarra.

Raramente há flores cá em casa, mas decidi comprometer-me a acabar com esse (triste) hábito. 

 

Uma jarra com três ou quatro flores, por mais simples que sejam, muda por completo o ambiente de um qualquer espaço. Por vezes basta até uma flor. A vida e alegria que carregam consigo é estonteante e surpreendente. Uma flor arranca sorrisos, mesmo das pessoas menos expressivos (para não lhes chamar macambúzias). Uma flor transforma uma sala num lugar diferente. Mais sereno, alegre, mas também vibrante. Parece contraditório? Mas não é.

 

Pois venham elas, as flores. Que os nossos dias, por vezes, já são cinzentos que chegue.

 

 

Arquivo

  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2014
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D